Colônia de Férias das Naves chega ao fim

Colônia de Férias das Naves chega ao fim com gostinho de quero mais.

Teve games, fotografia, oficinas, muita diversão e aprendizado na colônia de férias das Naves do Conhecimento do Rio. Cerca de 540 crianças e adolescentes, de 7 a 15 anos, participaram das atividades durante a última semana de julho. Com o tema “No Mundo das Naves”, as crianças  aprenderam a fazer animação, a programar e ficaram encantadas com as tecnologias.

Na Nave do Conhecimento de Madureira, a Carolina Victoria, de 7 anos, que participou de uma oficina de criação de memes (fenômeno de “viralização” de uma informação na rede social),  chegou em casa e ensinou até para a mãe.

“Eu achei que não conseguiria fazer, mas quando o professor começou a explicar eu prestei atenção e aprendi. Cheguei em casa e até ensinei até para minha mãe”, contou Carolina toda empolgada.

As crianças também participaram de aulas de animação, aprendendo a fazer pequenos vídeos com stop motion. O responsável foi o professor Pedro Brito, que ensinou a usarem recursos de uma máquina fotográfica e do computador para iniciarem suas criações.

“Eles adoram a atividade e ficam apaixonados com seus trabalhos”, contou Pedro.

Em Padre Miguel, a garotada se divertiu muito também. A Alice da Silva, de 8 anos, posou com o seu boneco e suas formas.

“Eu quero voltar sempre. Pena que já está acabando. mas eu já quero mais. Aqui além de me divertir, aprendi muito”, disse Alice, no último dia de atividade.

 

Inova Jovem: Curso Gratuito de Empreendedorismo

Tem o sonho de ser dono do próprio negócio?
Tem uma ideia mas não sabe como tirar do papel?
Já tem sua empresa mas quer melhorar?

Se respondeu SIM para alguma dessas perguntas, esse curso é para você! As aulas serão realizadas entre os dias 06 e 10 de agosto, no período da tarde de 12 às 18 horas, totalizando 30 horas de duração na primeira fase.
Após esse período os alunos serão acompanhados à distância por 3 meses. Leia mais

Venha bater o recorde mundial nas Naves

O Moonhack é um dos maiores eventos mundiais destinados à todas as crianças que sabem e que querem aprender a programar e ele está marcado para acontecer amanhã, dia 20. A Naves do Conhecimento, no Rio, foram convidadas pelo Code Club para participar deste evento reunindo todos os alunos para baterem o recorde mundial de crianças conectas e programando ao mesmo tempo.

Leia mais

Está a pleno vapor nosso GAME LAB

Na Nave de Triagem, está a pleno vapor nosso GAME LAB — o Laboratório de Desenvolvimento de Games das Naves do Conhecimento!

No dia 18 de junho, três grupos de jovens desenvolvedores de games receberam a visita de Rafael Bastos, criador do game “Lenda do Herói”, da empresa Dumativa, e líder da associação de desenvolvedores RING. Os jovens apresentaram seus projetos e protótipos de game, e Rafael prestou uma valiosa mentoria para que eles finalizem seus games a tempo de apresentá-los no Geek & Game Rio Festival, a ser realizado no Riocentro de 20 a 22 de julho.

Depois, o grupo ainda visitou os alunos do curso Introdução ao Desenvolvimento de Games, que tinha aula na sala ao lado.

São as Naves do Conhecimento contribuindo para ampliar o acesso popular à indústria criativa do Rio de Janeiro!

 

Curso de cinema da Nave de Triagem leva jovens a Londres

Seis alunos formados no Curso de Introdução ao Cinema CriaAtivo Film School embarcam nesta terça-feira (24/04) para Londres, para cumprir a última etapa do projeto. O curso foi oferecido gratuitamente pela oferecido pela Nave do Conhecimento de Triagem, de maio de 2017 a janeiro de 2018, fruto de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Emprego e Inovação (SMDEI), o Instituto Cultural Pólen e a Creative Wick, organização social de Londres. O projeto foi vencedor do Edital Institutional Skills, do British Council, e contou com financiamento do Newton Fund. Leia mais

Caça aos Asteroides 2: As Naves avançam!

A segunda temporada da campanha internacional Caça aos Asteroides, nas Naves do Conhecimento, chegou ao fim com muitos motivos para comemorar.

Foram 521 participantes, em sua maioria crianças e adolescentes, estudantes da rede municipal de ensino. Entre 9 de março e 6 de abril, eles analisaram imagens inéditas dos mais potentes telescópios espaciais do mundo, e aprenderam a identificar possíveis asteroides ainda desconhecidos pela ciência. Leia mais